O início do ano letivo nas escolas de Betim, que inicialmente estava previsto para 28 de janeiro, foi adiado para 18 de fevereiro. O motivo, segundo a Prefeitura, são atrasos nos pagamentos do transporte escolar, alimentação e manutenção das escolas.

Em dezembro, o Prefeito Vittorio Medioli, decretou estado de calamidade financeira na cidade.

O atraso no início do ano escolar vai afetar 42 mil alunos do ensino fundamental e 16 mil crianças de 0 a 5 anos.

Publicidade

De acordo com Secretaria Municipal da Educação (Semed), uma reunião para discutir o calendário está prevista para os próximos dias.

Situação financeira preocupa funcionários

Na noite da última segunda-feira (07), Vittorio Medioli disse em transmissão ao vivo em suas redes sociais, que a Prefeitura ainda não tinha o valor integral da folha de pagamento do mês de dezembro.

Vittorio Medioli em transmissão nas redes sociais (Reprodução Facebook)
Vittorio Medioli em transmissão nas redes sociais (Reprodução Facebook)

Início das aulas em Betim é adiado para 18 de fevereiro (Imagem Reprodução Street View)

Continue navegando

Avalie este post/evento

Publicidade