Celular Foto Agenda Betim

As ocorrências de roubo de celular em Minas Gerais apresentam uma redução de 30% em 2018, segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp). Em 2017, foram 61.269 registros, contra 42.592 em 2018.

As principais vítimas do crime são do sexo feminino e têm entre 18 e 24 anos. Na capital, a queda chegou a 34%.

Porém, muitas das vítimas não fazem o boletim de ocorrência sobre o furto, acabando não entrando nas estatísticas.

Publicidade

VEJA MAIS: Compras no Instagram poderão ser pagas dentro do próprio app

Bloqueio de celulares

É possível realizar o bloqueio do celular roubado através da Central de Bloqueio de Celulares do Estado de Minas Gerais (Cbloc), inutilizando o aparelho e consequentemente garantindo que seus dados sejam acessados por criminosos.

A solicitação de bloqueio do aparelho celular é feita em menos de três cliques, fornecendo apenas o número do telefone, dados pessoais e a ocorrência policial. Os profissionais da Secretaria de Segurança providenciam a inutilização do aparelho junto à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), em até 24 horas.

Vale ressaltar que apenas o aparelho celular é bloqueado por meio da Cbloc. O cidadão não perde o número da linha ou qualquer benefício junto à operadora, se assim desejar. O bloqueio da linha, inclusive, por não se tratar de procedimento de segurança pública, deve seguir o trâmite normal adotado hoje: fazer contato junto a cada operadora.

Continue navegando

Avalie este post/evento

Publicidade